Acelera Startups

As seis lições de ouro de empreendedorismo de Eric Ries

Acelera Startups

Quem nunca desejou algumas lições chave para comandar um negócio? Eu sim, principalmente quando estava começando.

Ao longo da minha minha experiência de quase 20 anos como startuper, compreendi algumas questões importantes sobre fazer negócios (e lidar com a vida, diga-se de passagem). Aqui vai algumas delas:

  • Não basta escolher um mentor que guiará suas ideias, mas sim optar por aquele que melhor se afina com seus objetivos
  • faça uma triagem de quais ensinamentos são os mais relevantes. Nem todos se encaixam ao seu contexto, por mais floreados que sejam
  • invista sua aprendizagem em dois tipos de ensinamentos: a) generalistas e aplicáveis para diversos contextos e b)específicos, de acordo com suas demandas

Raramente você encontrará, reunidos em um só autor, todas as respostas de que precisa. Alguns poucos possuem a hábil capacidade de repassar, com precisão e simplicidade, as regras essenciais para levar uma startup ao sucesso. Um dos empreendedores que são capazes de realizar esse tipo façanha é Eric Ries.

O empreendedor é um guru para todo aquele que tem interesse em iniciar uma startup do zero e colocar sua criatividade para funcionar. Não à toa sua máxima “Comece pequeno e aprenda rápido” se tornou um mantra.
O autor do best-seller “A Startup Enxuta” esteve pela primeira vez no Brasil no mês de outubro de 2015, palestrando durante o HSM ExpoManagement. Durante sua apresentação compartilhou alguns insights e reflexões adquiridas em mais de duas décadas como empreendedor. Confira:

01. Faça as perguntas certas

A pergunta que determina o sucesso ou não de uma startup não é “Isso pode ser feito?”, e sim “Isso deve ser feito?”. Como seu produto mudará a vida das pessoas? Elas estariam dispostas à comprá-lo?”

02. Startup é sempre um teste

O empreendedor faz uma crítica sobre como as startups elaboram seus planos de negócio, atribuindo grandes expectativas de lucros astronômicos, que na maioria das vezes, não é realista. “Cada investimento feito em uma startup é um experimento, para ver se as pessoas de fato querem aquele serviço”, ele explica.

03. Por que tantas Startups morrem?

Eric Ries resume: “As empresas fracassam porque não conhecem quem de fato é o seu cliente”. Quanto mais cedo o empreendedor entrar no mercado e buscar contato com seu cliente, maiores são as chances de sobrevivência do negócio.

Está gostando do artigo? Então que tal baixar nosso ebook gratuito conferir outras dicas essenciais sobre empreendedorismo:


 

 

04. Empreendedorismo e gestão

Uma startup é uma empresa, logo o objetivo não é apenas criar um produto, mas também uma instituição duradoura. Eric diz que é preciso abandonar o estereótipo de que a startup é formada por “dois caras em uma garagem”.
No entanto, considerando o cenário de incertezas, natural às startups, as técnicas tradicionais de gestão não funcionam. “Não é o tipo de coisa que se aprende em um MBA”. Isso é o que o autor chama de “aprendizagem validada”, questão abordada em seu livro.

05. Reveja sua estratégia sempre

“Existe uma estratégia diferente que me faria chegar à minha visão?” Um dos segredos do sucesso de muitas startups é saber mudar sua estratégia, sem mudar sua visão. O empreendedor recomenda que no começo de qualquer negócio, ocorram reuniões periódicas para avaliar se a estratégia utilizada está sendo bem-sucedida.

Leia também: Três poderosas perguntas para descobrir seu propósito de vida

06. Não vale a opinião, mas a ação do cliente (sempre!)

Um dos pilares da metodologia lean é a validação do produto, saber se existem clientes para seu negócio. Isso é feito através de um protótipo do produto, o chamado produto viável mínimo (MVP, em inglês), apresentado à possíveis consumidores.
A reação desse consumidores irá orientar seu aprendizado e as adaptações futuras. Eric, no entanto, ressalta que “pedir a opinião dos clientes não é científico. Científico é saber como eles vão se comportar diante de seu produto.”
Em outras palavras, ser parabenizado pelo seu produto ou receber empatia do seu cliente é algo vago. O que valida sua ideia são ações mais concretas, como, por exemplo, o cliente estar disposto à pagar antecipado pelo produto que nem foi lançado ainda.

Texto adaptado. Leia o original AQUI

 

Claudio Brito

Claudio Brito é especializado em Marketing Digital pela Fecap-SP e em Dinâmica de Grupo pela SBDG, tem 19 anos de experiência e participou de treinamentos internacionais com mestres como Alexander Osterwalder, Steve Blank e Eric Ries. Foi selecionado pela Endeavor para o curso “Building a High Growth Business” em Babson, faculdade No. 1 em empreendedorismo nos EUA. No Brasil, participa ativamente do desenvolvimento do mercado inclusive organizando missões empresarias para o Vale do Silício onde apresenta empresas como Google, Apple e Evernotes. É facilitador do Empretec, palestrante e mentor de startups. Como empresário, mantém a Acelera Startups uma comunidade digital que já atingiu 20.000 empreendedores em 47 países.

Acelera Startups

Email Newsletter

Inscreva-se para receber notícias, novidades e ideias no seu email.

Redes Sociais

Acesse nossas Redes Sociais para saber mais novidades da Acelera Startups.

Siga-nos

Não seja tímido para entrar em contato. Adoramos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos.

Negócio de Suce$$o

eBook Negócio de Suce$$o

Tem ideia de um negócio promissor mas não sabe por onde começar? Com esse ebook sua ideia vai decolar!

Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.