Os mais atuais aspirantes a empresários com certeza já ouviram o termo startup em algum momento de sua busca por informações sobre a viabilização de uma empresa. Esse novo método de criação empresarial não tem muitos moldes, muito menos uma receita certa. Pelo contrário, o estilo de empresa que nasce de um movimento de startup preza por novidades em todas as etapas que envolvem uma empresa: desde sua concepção até o momento em que o plano de negócios começa a ser colocado em prática.

Saber como criar uma startup é, na verdade, um tema que será importante a partir do momento em que várias outras questões estiverem resolvidas. Um consultor perguntaria: Qual será o produto ou serviço oferecidos pela empresa; qual será o formato dela; qual será a cultura empresarial dessa nova organização; como funcionará o sistema financeiro; quais serão as responsabilidades dos envolvidos – mas uma Startup pede algo mais ligado a paixão dos empreendedores que irão tocar a ideia, pois para uma ideia decolar e atingir milhões precisa antes do amor dos seus sócios.

Inicialmente, portanto, será preciso fazer uma análise aprofundada para entender sobre os conceitos de startup e perceber se o projeto da futura empresa está dentro das necessidades conceituais que dizem respeito a uma startup. Ao identificar algumas coisas pontuais que podem não ter relação direta com o modelo de startup, será possível fazer várias reformulações e modificações, para que uma empresa inédita possa sair do papel.

Planejar isso tudo geralmente pede por um plano de negócios. No entanto, principalmente quando o assunto é startup, já não se relaciona mais o plano de negócio a páginas e mais páginas de processos engessados. O ideal é encontrar a necessidade real de sua empresa e, se for o caso, o plano de negócios poderá se resumir a somente uma página e ser chamado de modelo de negócios, mas que seja consistente nas informações contidas, assim como nas possibilidades de tornar o negócio viável e possível dali em diante.

Por conta desse processo de planejamento e validação de uma ideia é que metodologias como: Lean Startup, Canvas do Modelo de Negócios, Design Thinking e outras ganharam mercado e são aplicadas no mundo inteiro. O Acelera Startups conecta essas técnicas e as direciona para que empreendedores possam estruturar suas ideias e validá-las no mercado.