A maior escola online de startups do Brasil

Tag: pitch

Como atrair investidores para o seu negócio?

Atrair investidores

Atrair investidores

Durante muito tempo achei que jamais buscaria atrair investidores e que sempre tocaria meus negócios com base no meu faturamento próprio.

Percebi com o tempo que além de estar enganado, a melhor hora para atrair investidores é quando você não precisa deles.

No vídeo de hoje compartilho a palestra do Martino Bagini, sócio da Astella investimentos para o Brasil Empreendedorismo 2015, evento que já abriu inscrição para a versão 2016 e que traz muitas dicas para você preparar uma apresentação fora de série focada em atrair investidores para o seu negócio.

Dá uma conferida 😉

Quero garantir minha vaga no Brasil Empreendedorismo 2016!

Hack #8 Apresente o seu Pitch

O Pitch precisa ser uma coisa visceral, precisa ter alma. Para isso você precisa atentar para itens como estar motivado, empenhado e antenado ao que lhe rodeia.

Para que seu pitch seja impactante é bom que você cause uma boa impressão, tenha um roteiro muito bem ensaiado e mãos a obra.

Assista as dicas para um Pitch matador no Hack de hoje:

Já viu o vídeo? Curtiu? Então aproveita para indicar para quem você quer bem, basta inscrever-se aqui: bit.ly/100StartupHacks

Prepare o seu Pitch

O pitch também conhecido como Elevator Pitch ou “Discurso do Elevador”, é uma apresentação de 2 a 3 minutos (como se fosse para você apresentar durante a subida/descida de um elevador o seu projeto para um investidor no elevador) em que deve “vender” a sua ideia de forma clara e concisa. Apesar de ser uma apresentação curta, pela necessidade de se conseguir conquistar a atenção do investidor, muitas vezes representa um grande desafio, assim, concentre-se no que é essencial ao seu negócio, aquilo que irá chamar a atenção do investidor e de um eventual cliente. Procure praticar “no espelho”, apresentar para parentes e amigos e perguntar o que eles entenderam, pois é muito comum pelo envolvimento do empreendedor, esquecer-se de dar uma informação básica sobre a essência do seu negócio.

O Pitch deve poder ser feito tanto apenas verbalmente, quanto eventualmente suportado por uma apresentação de slides (chamada de Deck), caso o empreendedor tenha oportunidade de se apresentar em público, lembrando também que não deverá ter muitos slides.

Algumas dicas para criar um pitch arrasador retiradas do livro a Arte do Começo de Guy Kawasaki, são:
– Seja positivo: não tente destruir a concorrência
– Foco no cliente: o que você pode fazer por ele?
– Evite termos técnicos, apresente algo que os outro entendam
– Coloque uma pitada do que sentir no mercado
– Prepare-se para o Público Alvo da apresentação
– Regra 10 slides / 20 minutos / 30 tamanho da fonte (10/20/30)

Sua apresentação: Resumo / Problema / Solução / Modelo de Negócio / Toque mágico / Mkt & vendas / Concorrência / Gerência / Financeiro (Projeções, métricas-chave, situação atual, realizações, linha do tempo e uso dos recursos.

Para finalizar, reúna 3 amigos, explique sua ideia em 1 minuto. Peça para eles escreverem o que entenderam, compare com o que você disse.

POST_PITCH

O Pitch (Quase) Perfeito, de Cássio Spina

Por Alfredo Cardoso

 

Leitura fundamental para quem pretende apresentar sua ideia para investidores de forma objetiva e eficiente. Escrito por Cássio Spina, fundador da Anjos do Brasil e nome bastante conhecido para os “iniciados” no mundo das startups no Brasil, fornece insights aparentemente básicos, mas poderosos para quem quer enfrentar a missão de conseguir um investimento para a sua startup.

“Lembre-se que investidor estará analisando não só o seu negócio, mas principalmente você, o empreendedor, assim tão importante quanto apresentar claramente sua empresa é conseguir demonstrar seu conhecimento e capacidade de execução.”

Esta afirmação parece um pouco contraintuitiva uma vez que da perspectiva do empreendedor, o importante é fundamentalmente a ideia. Cássio mostra no entanto, de seu ponto de investidor experiente, que o empreendedor (e sua “bagagem”) importam tanto quanto o projeto em si. Ter um perfil consistente e acima de tudo coerente com o projeto é essencial.

O livro sugere diferentes versões de apresentações (adaptadas de acordo com o perfil do ouvinte) e uma estrutura lógica para a apresentação do pitch, bem como um direcionamento (e até um modelo para download) dos slides, tudo enriquecido por exemplos ilustrativos, que o torna leitura obrigatória para iniciantes e empreendedores experientes que precisam de orientação para uma apresentação eficiente.

Além de enfatizar um dos pontos mais importantes de todos os projetos de startups, o da validação ainda nos estágios iniciais, ele avisa que apesar de ser importante fazer uma boa apresentação, o que importa realmente é
a ideia: “…se por um lado um pitch ruim pode prejudicar sua apresentação, nem um pitch excepcional salvará um negócio fraco.”

 
Download gratuito: www.anjosdobrasil.net/pitch.html

Links relacionados:
www.anjosdobrasil.net
www.investidoranjo.net

Lançado canal no Youtube

Agora todos os vídeos, inclusive as filmagens realizadas durante os workshops serão postadas diretamente em nosso canal no Youtube, para conferir os pitches realizados na última versão do workshop, basta seguir para o seguinte endereço: https://www.youtube.com/channel/UCzsussNZ2HtEsrt1UBC8YPw

Elevator Pitch

O pitch também conhecido como Elevator Pitch ou “Discurso do Elevador”, é uma apresentação de 2 a 3 minutos (como se fosse para apresentar se encontrasse o investidor no elevador e tivesse o tempo de apresentar durante a subida/descida) em que deve “vender” a sua ideia de forma clara e concisa. Apesar de ser uma apresentação curta, pela necessidade de se conseguir conquistar a atenção do investidor, muitas vezes representa um grande desafio, assim, concentre-se no que é essencial ao seu negócio, aquilo que irá chamar a atenção do investidor. Não se preocupe com os detalhes e procure além de praticar “no espelho”, apresentar para parentes e amigos e perguntar o que eles entenderam, pois é muito comum pelo envolvimento do empreendedor, esquecer-se de dar uma informação básica sobre a essência do seu negócio.

O Pitch deve poder ser feito tanto apenas verbalmente, quanto eventualmente suportado por uma apresentação de slides (chamada de Deck), caso o empreendedor tenha oportunidade de apresentar em público, lembrando também que não deverá ter mais de 5 a 6 slides.

Fonte: Endeavor

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén